cinta modeladora

Afinal, todas as mulheres podem utilizar cinta modeladora?

Conhecida por muitas mulheres, a cinta modeladora é uma peça que está na moda há muito tempo. E ter uma cintura bem delineada continua sendo o sonho de algumas mulheres brasileiras. A utilização contínua de cintas modeladoras é uma das maneiras menos invasivas para conseguir essa aparência.

Porém, existe sempre aquela velha pergunta: “cinta modeladora serve para mim?”. É verdade que existem algumas contraindicações, no entanto, no geral, as cintas são para todas as mulheres e atendem diferentes necessidades. Quer saber mais? Continue lendo o texto!

Diferentes modelos para corpos e necessidades variadas

A cinta modeladora é uma peça bastante versátil. Pode ser utilizada para diminuir ou manter medidas, como segurança pós-operatória ou até para não marcar ao utilizar uma roupa mais justa no corpo.

Dessa maneira, existem diversos modelos no mercado para atender as diferentes demandas das mulheres. As peças devem ser utilizadas com a medida certa e levam em conta a função que será desempenhada com seu uso. No entanto, as procuras mais comuns são de mulheres que querem reduzir medidas, utilizar após operações e para melhoria na postura.

Os materiais e modelos da cinta interferem em seu uso?

Assim, os diferentes modelos são capazes de satisfazer qualquer mulher. Porém, o que há em comum entre todos os usos é a necessidade de escolher um produto de qualidade. Como muitas vezes o uso da peça é diário, é imprescindível escolher o tamanho certo, com acabamento de qualidade e tecido adequado.

Os materiais e os diferentes modelos precisam ser escolhidos com cautela, pois influenciam diretamente na eficácia da cinta e em seu resultado. Os principais modelos são:

– Body;
– Cinta abdominal;
– Camiseta;
– Bermuda.

Já os materiais envolvem, principalmente, o uso de acetato, acrílico, elastano, poliéster, nylon e cetinete. A cinta abdominal é indicada para quem quer evitar que a roupa marque na pele, disfarçando possíveis gordurinhas. A bermuda, por outro lado, pode possuir a finalidade também de evitar atrito nas pernas das mulheres que possuem coxas mais próximas.

O body é o modelo mais conhecido, é aquele semelhante a um maiô e geralmente é utilizado para sustentação do busto. No caso da camiseta modeladora, a função envolve primordialmente a compressão da barriga.

Questões de saúde também podem pedir o uso da cinta modeladora

Como já dito, a cinta modeladora também pode ser utilizada por mulheres que estão no pós-operatório, como depois da realização de abdominoplastia e lipoaspiração, assim como em casos de pós-parto. Nestes contextos, a cinta não pode apertar demais e ser o mais confortável possível.

Para pós-parto, a cinta modeladora é indicada para a sustentação do corpo ao realizar algum movimento brusco, como espirrar, além de auxiliar na diminuição do inchaço e na reorganização dos órgãos após a saída do bebê. O uso da peça tem indicação redobrada se o parto for uma cesárea. Nos casos das outras cirurgias, a cinta ajuda no resultado da operação e ainda previne a flacidez da barriga e pele.

Agora se convenceu de que a cinta modeladora é para todas as mulheres? Busque já a sua em nosso site!