cinta modeladora · pós parto

Cinta pós-parto: usar ou não usar?

Se você está grávida ou já é mamãe, sabe que, após o parto, o corpo feminino passa por mudanças e, voltar ao que era antes nem sempre é uma tarefa fácil. Com a promessa de auxiliar as mulheres nessa missão, surgiram as cintas modeladoras pós-parto e, se você ainda não conhece bem esse produto ou tem dúvidas se deve usar ou não a cinta modeladora, acompanhe nosso artigo e descubra tudo o que você sempre quis saber!

Usar ou não usar a cinta modeladora pós-parto

A cinta modeladora pós-parto é altamente indicada por sua capacidade de dar firmeza às mulheres logo após o parto, momento em que podem estar sentindo a barriga flácida ou se incomodando com a sensação de vazio na região do útero. As cintas oferecem segurança para que a mulher consiga realizar as tarefas simples do dia a dia, entre outros benefícios.

Porém, é importante ter em mente que, em alguns casos, como quando a cicatrização do corte feito pela cesárea não ocorre facilmente, o uso da cinta não é recomendado. Por isso, antes de tudo, é essencial ouvir as recomendações de seu médico e segui-las à risca.

Benefícios da cinta modeladora pós-parto

Dentre os principais benefícios da cinta pós-parto está e sensação de firmeza e segurança que ela proporciona às mulheres. Mas as vantagens não param por aí:

  • A cinta modeladora melhora a autoestima, uma vez que ajuda a adequar o corpo para dar melhor caimento às roupas;
  • Evita a dor na coluna causada pelos músculos ainda enfraquecidos;
  • Ajuda a manter a postura ereta;
  • Ajuda a afinar a cintura, fazendo com que ela volte a sua forma de antes da gravidez mais rapidamente.

Quando usar a cinta modeladora pós-parto

As mamães que passaram por uma cesárea podem iniciar o uso da cinta alguns dias após o parto, ainda no hospital, assim que se sintam estabilizadas e tenham condições de ficar em pé sozinhas.

Já para as mamães que optaram pelo parto normal, existem divergências: alguns especialistas acreditam que, nesses casos, a cinta só deve começar a ser utilizada um mês após o parto. Por isso, é sempre importante ouvir os conselhos de seu médico de confiança.

Quando não usar a cinta modeladora pós-parto

Existem poucas contraindicações em relação ao uso da cinta pós-parto. Mulheres que apresentam sangramento ou inflamação acima do normal no local do corte deixado pela cesárea não devem fazer uso do produto.

A cinta também não deve ser usada durante a prática de exercícios físicos e as horas de uso recomendadas devem ser respeitadas.

Qual modelo escolher

As cintas modeladoras pós-parto existem em diversos modelos — cintas com busto para amamentação, cintas com ou sem perna, cintas com velcro — e possuem tamanhos variados. O mais indicado é experimentar até encontrar aquela que proporcione maior conforto e segurança.

Uma dica importante é se atentar para o fato de que as cintas que podem ser removidas por partes facilitam as idas ao banheiro. Além disso, na hora de escolher o tamanho, é fundamental se certificar de que ela não aperte a barriga, deixando os músculos abdominais livres para as contrações naturais do organismo.

Agora que você já conhece tudo sobre as cintas modeladoras pós-parto e sabe qual é a melhor para você, aproveite para conhecer nossas opções!