cinta modeladora

Saiba como manter uma boa alimentação durante a quarentena

A pandemia de coronavírus tem transformado radicalmente o dia a dia de toda a população global, mudando hábitos e certezas. A recomendação das autoridades governamentais e sanitárias é de que seja praticado o isolamento social, para tentar conter o contágio da Covid-19.

Sendo assim, todos nós estamos sendo forçados a reestruturar nossas rotinas pessoais e de trabalho.

Com este cenário perigoso de contaminação viral através de contato social, é fundamental se preocupar com a alimentação.

Esses cuidados são capazes de garantir a saúde e o bom funcionamento do sistema imunológico. Assim, o indivíduo fica menos suscetível a apresentar os sintomas da Covid-19.

Práticas alimentares erradas

Não poder sair de casa e frequentar os lugares que estávamos acostumados cria uma atmosfera de ansiedade, tédio e tensão. Isso influencia, com toda certeza, nas práticas alimentares.

Dependendo da personalidade de cada um, a obrigação de ficar em casa pode ser muito complicada para muitas pessoas. É muito compreensível que aqueles que experimentam tédio, ansiedade e tensão acabem descontando tudo isso na comida durante a quarentena.

A restrição de exercícios físicos e de idas à academia também causa o efeito de alterar a alimentação. Quando o corpo está parado, os alimentos de baixo índice glicêmico tornam-se a preferência.

Estes alimentos são aqueles que têm carboidratos mais complexos, e que chegam à corrente sanguínea de forma mais lenta.

Devido à facilidade, é muito comum que se recorra a opções mais práticas como:

– Alimentos industrializados;
– Massas;
– Pães;
– Biscoitos.

Só que no curto prazo, estas escolhas podem trazer malefícios, como a diabetes e a alta do colesterol.

Prefira alimentos de baixo índice glicêmico em seu lugar, como o aipim, a batata doce e a mandioquinha. Alimentos ricos em farinha de trigo precisam ser evitados nessa fase.

Ingestão correta de alimentos

Nesse período de pandemia, a coisa mais importante para manter uma boa alimentação é a variação de alimentos. Esta prática é aliada para o fortalecimento do sistema imunológico.

Alimentando-se de forma variada, a pessoa consegue consumir muitos tipos de nutrientes e outras substâncias que são necessárias tanto para a saúde, quanto para manter o sistema imunológico funcionando plenamente. Esta variação deve conter, logicamente, muitas verduras, frutas, legumes, carnes e grãos.

Especialistas recomendam àqueles que estejam em dietas restritivas para emagrecimento, por exemplo, a não seguir com elas neste momento. Tudo por causa exatamente dessa necessidade da variedade no cardápio.

É muito importante ingerir, neste momento, alimentos que contenham uma alta densidade nutricional, ou seja, que sejam ricos em vitaminas e minerais. Nesse quesito, não há como escapar das frutas, verduras e legumes.

A lista desses alimentos é muito grande e farta. No entanto, opções como abacaxi, laranja e algumas ervas, como a salsinha, são ricas em vitamina C e em micronutrientes.

Caso a versão desses alimentos seja orgânica, melhor ainda, pois não passaram por tratamento com agrotóxicos, que competem pela absorção no intestino com os nutrientes.

Comportamento na hora da alimentação

Pode parecer sem importância, mas o seu comportamento na hora de comer é muito importante para uma boa alimentação. Manter o foco na refeição é fundamental. Com isso em foco, um movimento chamado “mindfull eating” tem crescido consideravelmente hoje em dia.

Ele pode ser traduzido como alimentação consciente e é uma prática que traz benefícios em qualquer tipo de contexto. Durante a pandemia, o mindfull eating torna-se ainda mais interessante para promover a harmonização de emoções e de práticas alimentares. É o ato de comer usando os princípios de consciência total no momento presente.

Não adianta boas escolhas e foco na alimentação se você não presta atenção em outra coisa: a higienização dos alimentos. Ela é essencial em casa e na rua. Os produtos precisam ser higienizados ao chegar do mercado, com álcool 70% ou água e sabão.

A caixa de leite pode ser limpa com o álcool gel. Verduras podem ser higienizadas em uma solução de água com vinagre antes de colocar na geladeira.

Ao cozinhar, nunca esqueça de lavar as mãos ao tocar em novos ingredientes. No entanto, o calor do cozimento tem a capacidade de deixar o coronavírus inativo. Mas ele pode continuar na pele e contaminar os alimentos.

Alimentar-se bem, no entanto, é apenas um dos fatores para nos mantermos saudáveis durante a quarentena. No entanto, não se pode esquecer que evitar momentos de estresse e uma boa noite de sono também fazem parte dos cuidados.

Dicas para a alimentação na quarentena

Quando o tempo para cozinhar é pouco ou a pessoa mal saiba o caminho da cozinha, é possível usar opções coringa na alimentação, como um ovo.

Ele pode ser feito de várias maneiras e de forma bem rápida. O ovo ainda hoje é um alimento polêmico, mas se o consumo não ultrapassar oito unidades por dia, tudo bem.

Batata doce é outra ótima opção para alimentação. Ela é rica em vitamina C, boa para a imunidade. A batata doce se encaixa perfeitamente em refeições grandes e em lanches rápidos.

Quem está acostumado a tomar sucos verdes pode continuar com esta prática. Eles são uma boa aposta, pois são variados em ingredientes. Quando você coloca gengibre, couve e limão, o teor nutricional aumenta.

As folhas, como a escarola, a couve, o repolho e o espinafre, são grandes fontes de vitaminas e ferro, ótimos para a nossa saúde. No entanto, precisam ser consumidas rapidamente, assim que forem compradas. Mas existe também a opção é comprá-las congeladas.

A ênfase a ser dada neste período de quarentena é ao aumento da imunidade. Por isso, alguns alimentos não devem sair de sua rotina. São eles:

– Açaí;
– Abóbora;
– Amendoim;
– Aveia;
– Batata;
– Brócolis;
– Cenoura;
– Cúrcuma;
– Gengibre;
– Kefir;
– Linhaça;
– Limão;
– Mel;
– Uva roxa.

Gostou deste artigo? Esperamos que tenha sido relevante para você e que tenha tirado suas dúvidas sobre uma boa alimentação no período da quarentena. Que tal ler outro texto interessante em nosso blog?

Acesse nosso site e conheça nossos produtos os quais podem te auxiliar a manter uma rotina saudável durante a quarentena.