cinta modeladora

Veja x roupas que valorizam o corpo das mulheres que usam cintas modeladoras

As cintas modeladoras possuem um papel importante na vida das mulheres em uma série de contextos. Assim, além de serem de grande importância em questões de saúde, como no pós-parto e em outros contextos cirúrgicos, elas também podem ser usadas como acessórios de moda bastante úteis.

É um fato conhecido que muitas mulheres buscam todos os dias formas de se sentirem melhores com seus corpos e com as roupas que usam, seja no dia a dia ou em um evento especial. Assim, as cintas têm garantido uma autoestima em dia, além de beneficiarem essas mulheres, proporcionando satisfação.

Em alguns casos, as mulheres não se sentem confiantes o suficiente para usar alguma peça de roupa por um detalhe a respeito do corpo, como uma barriga considerada por elas mais “saliente”. Nesse caso, as cintas modeladoras são um excelente recurso.

Com o intuito de trazer de volta uma autoestima muitas vezes deixada de lado, as cintas dão uma nova forma ao corpo por meio de uma modelagem que se adequa às diferentes peças de roupa, garantindo mais segurança e confiança para as mulheres.

A escolha da modelagem ideal e os formatos dos corpos

Cada mulher possui um formato de corpo diferenciado. Isso é um fato conhecido. Assim, esse formato tem a ver com características e medidas corporais distintas, não tendo relação alguma com o peso ou questões dessa natureza.

Sendo assim, com estruturas corporais tão distintas, é preciso que as mulheres saibam fazer melhores escolhas quanto às cintas modeladoras e que tenham em mente com que tipo de roupa elas vão usar este acessório, que pode ser uma peça-chave.

Dessa forma, é possível definir com o uso de uma cinta modeladora o formato de silhueta que a mulher está em busca: triangular, oval, ampulheta, triângulo invertido ou retangular. Então, partindo desse formato, que deve ser previamente escolhido, é possível determinar qual cinta modeladora será capaz de auxiliar e assegurar que o objetivo seja atingido.

De saída, é possível destacar que o formato triangular é o mais comum entre as mulheres brasileiras. Ele pode ser definido a partir de ombros mais estreitos em relação ao quadril, o que assegura uma silhueta similar a um triângulo, justificando o nome usado.

Assim, o triângulo invertido opera na linha oposta: nesse caso de silhueta, as mulheres têm os ombros mais largos que os quadris. O oval, por sua vez, é caracterizado por uma maior saliência próxima da cintura e com pernas de contornos definidos.

Por fim, os demais tipos de silhueta são a ampulheta e o retangular. No caso do primeiro, tem-se quadris e ombros bastante largos, mas uma cintura fina e bem marcada. No último exemplo, tem-se o alinhamento entre quadris e ombros.

Quais roupas escolher de acordo com a minha modelagem?

Após fazer a escolha de um dos formatos citados anteriormente, você poderá determinar quais são as cintas que mais se adequam ao que você deseja vestir. Entretanto, ainda antes de fazer isso é preciso descobrir quais são as roupas que mais se adequam a cada tipo de silhueta.

Assim, as mulheres que possuem uma silhueta triangular podem optar por usar roupas com listras horizontais na parte superior. Para a parte inferior, o ideal é adotar cores neutras, especialmente calças em tons mais escuros. Outra dica bastante valiosa é o uso de listras verticais na parte inferior.

Com uma modelagem oval, as mulheres possuem uma diversidade de looks para escolher. Entre eles, camisas em gola V ou U são uma boa pedida. Elas podem contar com mangas leves e soltas, mas que não desvalorizem seus contornos. No caso de vestidos, opte pelos menos curtos com maior ajuste no quadril.

Seguindo adiante para o triângulo invertido, por contar com ombros mais largos, a escolha aqui será valorizar mais a parte inferior. Portanto, calças com pregas e bolsos são boas escolhas para compor o look, além de saias volumosas e vestidos no estilo envelope.

No formato ampulheta, as melhores opções são as roupas não tão largas, levando em consideração que esse tipo de peça pode desvalorizar as curvas do corpo. Por fim, quando se fala sobre a modelagem retangular, uma boa opção é escolher cortes mais acinturados que ajudam a definir contorno do corpo.

Os tipos ideias de cinta para cada tipo de roupa

Como no mercado existem diversos tipos de cintas, vamos combinar agora alguns desses modelos com roupas específicas para facilitar a vida das mulheres que fazem uso desse acessório e muitas vezes não sabem quais peças devem adotar com cada modelo.

De saída, vale citar que a calcinha alta pode ser usada para muito mais do que apenas para disfarçar a barriga, que pode incomodar algumas mulheres. Assim, essa peça auxilia também em questões como desconfortos na região lombar e ajuda a melhorar a postura.

Mas, aqui, iremos dar um destaque maior para elas como acessório de moda. Portanto, esse tipo de cinta pode ser usado com vestidos, o que fará com que o corpo fique mais modelado e conte com um caimento perfeito da peça.

Outro tipo de cinta muito usado é a anágua. Em decorrência da forma como ela é feita, a anágua auxilia na modelagem do abdômen, fazendo com que o corpo se torne mais delineado. Portanto, ela costuma ser usada com peças que possuem maior transparência. Além disso, também é uma boa pedida para que deseja apostar em saias lápis, que são mais justas e de corte reto.

Além disso, é válido citar que o body é uma das peças mais conhecidas atualmente e tem uma função diferente dos demais citados. Esse tipo de cinta garantirá mais atenção para os seios, visto que estes contam com um bojo que dá um maior destaque para o decote. Portanto, os bodys são usados com determinados estilos de blusas e até mesmo vestidos.

Vale ressaltar que por mais que o body seja usado no tronco inteiro, ele não restringe nenhum tipo de movimento e garante uma grande liberdade e conforto para as mulheres. Dessa forma, essa cinta pode ser usada por longos períodos sem prejuízos ou dores.

Como as cintas, a depender do formato usado, abrangem certas áreas do corpo e contam com modelagens distintas, demos alguns exemplos de algumas peças que podem ser associadas a determinados estilos de cinta modeladora, garantindo o conforto a qualquer momento do dia.

Dessa forma, existem modelos que valorizam mais o uso de peças superiores, inferiores e os vestidos, que são um grande destaque entre as mulheres que buscam o auxílio das cintas modeladoras na hora de se vestirem. Na maioria dos casos, essa é a peça que mais se destaca.