cinta modeladora

X causas das dores nas costas

Dor nas costas é um problema de saúde bastante comum, que não escolhe idade, gênero ou estilo de vida. Isso porque, praticamente qualquer pessoa, independentemente de sua profissão ou de seus hábitos diários, pode estar propensa a sentir ao menos leves incômodos na região. No entanto, existem sim, possíveis causas de dores nas costas que podem envolver desde lesões, até problemas médicos mais sérios ou antigos.

Então, que tal descobrirmos hoje alguns dos principais motivos desse terrível incômodo? Bateu uma curiosidade? É só continuar com a gente durante todo este artigo, combinado? Vamos lá!

Descubra cinco possíveis causas de dores nas costas

No geral, esse tipo de dor costuma estar relacionada com alguma doença. No entanto, também é possível que ela se manifeste graças aos hábitos ruins do indivíduo.

Para entender melhor sobre o tema, aqui está uma lista com cinco das principais causas de dores nas costas:

  1. Problemas musculares
  2. Nesse caso, temos como espécies de “vilãs” situações relacionadas com:

    • Levantar e carregar peso em excesso;
    • Forçar demais o corpo na academia, principalmente em sessões ou aulas de musculação;
    • Dormir em posições incômodas ou tortas.

    Em qualquer um desses cenários, é possível distender ou torcer um dos diversos músculos ou tendões da região das costas, causando, além das dores, rigidez e, por vezes, espasmos que se prolongam por dias.

  3. Inflamações
  4. Inflamações não são anormais quando o assunto é o corpo humano. Isso ocorre porque elas são simplesmente uma resposta imunológica natural. Entretanto, não significa que as mesmas sejam menos desconfortáveis ou dolorosas por conta disso.

    Assim, se a inflamação persistir durante muito tempo, ela pode ocasionar dores crônicas e se espalhar por toda a região das costas e da coluna.

  5. Osteoporose
  6. A osteoporose está na lista das doenças que podem causar fortes dores nas costas. O motivo é muito simples: ela, por si só, gera a diminuição da massa óssea, especialmente nas regiões do quadril, dos punhos e da coluna.

    Quando a massa óssea alcança níveis baixos, o resultado é o enfraquecimento dos ossos e, consequentemente, os incômodos em questão.

  7. Hérnia de disco
  8. As vértebras da coluna são separadas por camadas de tecido chamadas de discos. Quando esses discos saem do lugar, incham ou sofrem algum ferimento, eles costumam gerar dores terríveis, o que pode até mesmo debilitar o indivíduo.

  9. Estresse excessivo
  10. Uma das principais funções da coluna é manter o corpo reto. Logo, uma postura ruim e o excesso de peso podem causar estresse, o que afeta diretamente as costas.

    Quando os músculos dessa região precisam trabalhar mais do que o normal, ocorre o surgimento de uma série de desconfortos e dores, até mesmo agudas.

    Em termos gerais, existem diversas causas de dores nas costas, muitas delas podendo ser tratadas e controladas com facilidade e sem a necessidade de medicamentos ou tratamentos invasivos.

    O caminho para isso costuma ser a mudança no estilo de vida, investindo em sono de qualidade e uma boa alimentação.

Se você sofre com dores nas costas e não sabe o que fazer para aliviá-las, confira agora mesmo nosso artigo especial sobre o assunto.

Afinal, quando é hora de procurar ajuda médica?

O ideal é ficar de olho em sintomas básicos, que costumam ir muito além de apenas dores nas costas. O corpo como um todo, aliás, geralmente sinaliza quando algo não está certo na região.

Por isso, fique atento a sinais como:

  • Febre;
  • Perda de peso excessiva;
  • Inchaço na região das costas;
  • Dor persistente ao se deitar ou levantar;
  • Dores fortes nas pernas;
  • Dores nos joelhos e abaixo deles;
  • Dificuldade para urinar ou bexiga solta;
  • Dormência ao redor das nádegas;
  • Dor no peito;
  • Dores que pioram após espirrar;
  • Dores que começam no alto, principalmente partindo da região dos ombros;
  • Protuberâncias na região.

É preciso procurar ajuda médica sempre que um desses sintomas estiver associado com as dores nas costas, principalmente se tais dores:

  • Não melhoram após algumas horas de descanso;
  • Surgiram após uma queda ou acidente;
  • Aparecem ao mesmo tempo que uma dormência nas pernas;
  • Causam fraqueza.

Como posso prevenir a dor nas costas?

Por mais difícil que possa parecer, é possível evitar as temidas dores nas costas, além de prevenir que elas apareçam de forma recorrente. Para manter as suas costas fortes e saudáveis, invista em dicas como as mencionadas abaixo:

  • Faça exercícios: entre as principais causas de dores nas costas encontramos o sedentarismo. Logo, é fundamental praticar exercícios aeróbicos, preferencialmente de baixo impacto, para não forçar a região lombar, além de aumentar a resistência e a força das costas, permitindo que os músculos tenham um melhor desempenho. Tais exercícios podem, ainda, ajudar no relaxamento diário. Outras boas opções para não ficar parado são caminhadas leves e natação;
  • Melhore a sua flexibilidade: outra boa ideia é focar em exercícios que melhorem a flexibilidade e aumentem a força muscular das costas, ajudando a condicionar os músculos, para que os mesmos possam trabalhar de acordo com o esperado. Na dúvida, consulte um médico especialista na área;
  • Cuide do seu peso: o sobrepeso costuma sobrecarregar diversos músculos do corpo, inclusive, os das costas. Desta maneira, se você se encontra acima do peso ideal, iniciar um processo de emagrecimento pode ajudar a prevenir e a diminuir as dores. Assim como no caso anterior, procurar ajuda médica é fundamental durante este processo;
  • Aposte em cintas compressoras: pessoas que costumam levantar muito peso ou ficam muito tempo em frente aos computadores, podem fazer uso de cintas compressoras, principalmente as voltadas para melhorar a postura, gerando uma menor pressão e, consequentemente, menos desconforto na região.

No final das contas, notamos que a maioria das causas de dores nas costas estão relacionadas a estresse repetitivo, ou seja, má postura, ficar sentado durante muito tempo, inclinar-se de maneira errada, permanecer em pé durante longos períodos ou carregar peso em excesso.

No entanto, seguindo cuidados básicos, é possível livrar-se de uma vez do incômodo, garantindo dias mais produtivos e noites mais tranquilas.

Precisando de ajuda para se sentir mas confortável e confiante na sua rotina diária? Então, aproveite para conhecer hoje mesmo os modelos de cintas modeladoras exclusivos da Miracle Belt!